sábado, agosto 23, 2008

Espírito olímpico é o caralho!

Angel Matos, lutador de taekwondo de Cuba, é o cara. Ele acabou com esse papinho mané de espírito olímpico, que basicamente diz que quem perde deve calar a boca, e saiu na porrada para reclamar com o juiz.


O Brasil deveria ter feito o mesmo no final do jogo contra a Argentina. Tiago Neves e Lucas bem que tentaram com suas expulsões por faltas violentas, mas convenhamos que faltou mais sangue. Quando tudo está perdido, não resta mais nada além do que deixar o adversário alejado. Como que depois de perder de 3 a 0 todos os jogadores argentinos sairam andando normalmente?

E também não tinha que ter nada dessa bunda-molice de esperar um dia para ir buscar a medalha de bronze. Nos outros esportes ela até que é importante para o Brasil, mas no futebol não! Se fosse o Dunga de 94, que levantou a taça xingando toda as geração de jornalistas daquela época, ele teria promovido a maior batalha campal da história olímpica.

Chega de espírito olímpico! Angel Matos é o exemplo a ser seguido!

6 comments:

Túlio disse...

comentários anônimos, mesmo que super legais e convenientes, a partir de agora serão apagados.

Grato,
A direção.

Aires Buenos Inc.

artesmenores disse...

Eu queria ter visto o chute de um ângulo mais cinematográfico.

Ivan disse...

ahaha. realmente, o cubano mostrou no mínimo que não foi lá pra perder a viagem.

Túlio disse...

quem sabe sob um ângulo mais win wenders... haha

guii disse...

senti falta d porrada mesmo no jogo da argentina..

Túlio disse...

Ouvi dizer que o Fidel reclamou da cabeçada que o juiz deu no pé do lutador cubano.

Blog Widget by LinkWithin