sábado, janeiro 31, 2009

Jardim Japonês de Buenos Aires


Bem na fronteira entre Recoleta e Palermo, perto dos parques, planetário e zoológico está o Jardim Japonês de Buenos Aires.

Estranho que em 3 anos morando na cidade eu ainda não tivesse ido, mas com a minha irmã por aqui a gente se esforça para ver novas coisas, evitando a milésima visita ao túmulo da Evita. Ô coisinha chata!

Definitivamente é o parque mais limpo e organizado da cidade. Um pequeno jardim invernal com carpas, bonsais, pontezinhas e até mesmo um restaurante, que infelizmente estava fechado pelas férias, dão um clima bucólico que nem parece que estamos em plena metrópole.

É um dos poucos lugares da rota turística em que é preciso pagar, mas são módicos 5 pesos, e comparados aos outros pontos famosos, esse tem bem menos gente. Ideal para quem odeia multidões de gente falando alto.

Tanta limpeza e organização não é a toa. Eu, que achava que o Jardim era apenas outro lugar mantido pela governo, me enganei. A Fundação Cultural Argentino-Japonesa cuida muito bem do lugar e ainda oferece vários cursos grátis ligados à cultura nipônica. Convenhamos que de disciplina os japoneses são mestres!

Aqui o site:
http://www.jardinjapones.org.ar/

1 comments:

Bruno Silva disse...

Eu tenho é medo daquelas carpas do sertão, que só faltam engolir tua mão.

Bruno Silva
http://ladobdocassete.blogspot.com

Blog Widget by LinkWithin