quarta-feira, março 25, 2009

O casamento dos Trapalhões.

Comprei esse DVD quando fui no Brasil no fim do ano passado. Talvez tenha sido o início da minha fase nostalgia que cada vez ataca mais forte. Só pra ter uma idéia outro dia fiquei assistindo capítulos de Changeman e achando tudo muito massa.

"O Casamento dos Trapalhões", de 1988, é um perfeito exemplo de filme que seria considerado completamente incorreto nos dias de hoje. Sorte que naquela época não tinha disso. Eu cresci assistindo Pica-pau e era fã do Mussum e não é por isso que eu vivia explodindo bombas e bebendo cachaça.

Vamos para uma rápida sinopse do filme:

Didi, Dedé, Mussum e Zacarias são quatro caipiras nojentos que vivem num sítio sozinhos. Didi vai para a cidade procurar uma noiva. Lá encontra Joana e foge com ela para o sítio.

Dedé, Mussum e Zacarias ficam com ciúmes e insistem para ter uma mulher. Na cidade, durante um show do Dominó, encontram moçoilas dispostas ao casamento e fogem com elas, provocando depois uma batalha com o delegado que pede a volta das mulheres para a cidade.


Vamos para 10 fatos politicamente incorreto do filme:

1. Logo no início do filme, quando os personagens são apresentados, Didi abre uma caixa de lembranças da família onde está guardado "dente-de-leite" do Zacarias e o "dente-de-café" do Mussum. Todos caem na gargalhada com a piada racista.

2. Didi vai a cidade à procura da mulher e praticamente rapta Joana, interpretada por Nadia Lippi, levando-a a força para o sítio. Os dois mal se conhecem e já vão se casar porque afinal ele precisa de uma mulher para passar, limpar e por ordem na casa. Machismo latente.

3. Na noite de núpcias, que é no mesmo dia que Didi conhece Joana, os outros três irmão fazem de tudo para ver o que acontece. Voyeurismo total!

4. José Abreu interpreta Expedito, o bandido da história que apenas implica com Didi porque ele é jeca e para isso promove uma guerra com bala e tudo. Tudo conta com a conivência do delegado da região. Detalhe: o vilão usa pochete o tempo todo.

5. Mussum aparece no filme no mínimo umas 4 vezes tomando cachaça, inclusive com a sua namorada, que obviamente adora um "mé". Alcoolismo claro!

6. O carro de Didi, uma pick-up caindo aos pedaços, não tem porta e tem os freios em péssimas condições. Certeza que seria barrado numa blitz por um policial rodoviário.

7. Nadia Lippi posou na Playboy antes de interpretar a heroína do filme.

8. No final do filme, quando Joana está prestes a dar a luz, os maus chegam em bando para aloprar o sítio e Didi deixa sua mulher passando mal de lado para poder lutar junto com o Dominó e os outros Trapalhões. Podiam ter morrido o filho e a mulher por culpa disso.

9. Os integrantes do Dominó usam todos um mullet violento e aparecem de cueca branca no filme.

10. As condições de vida dos quatro irmãos, no início do filme, são muito precárias. Convivem com cabras, porcos e galinhas, além de Didi coar café com a meia suja.

6 comments:

Juliana Bragança disse...

outro dia passou esse filme na sessão da tarde. eu nunca vi, quando passar de novo vou ver...

adélia jeveaux disse...

putz, muito bom. e pensar que a minha melhor amiga foi privada desse entretenimento na infância. ela nunca viu lua de cristal!!!

Tati disse...

É uma sorte que não tenhamos sido influenciados pelo "povo" que esteve presente em nossa infância. O Bozo era viciado em cocaína. A Mara (!!!) era viciada em anorexígenos e casou com o tal do Paulinho (que era menor de idade na época que começaram a namorar!!!), a Xuxa sempre esteve envolvida em escândalos bizarros de seitas e coisa e tal. Os desenhos eram politicamente incorretos: Tom & Jerry era pura pancadaria, interrompida apenas quando um dos personagens traçavam planos estratégicos de "maldade"... enfim, somos fortes né. Eu não sou viciada em nada, nem nunca planejei matar ninguém... hehehehehehe.

(Ri muito com seu post!)

Túlio disse...

cinematografiamente falando, adorei as partes da cidade do filme. uma luz azul super mudérna e uma lanchonete meio blade runner

Ciana Lago disse...

Ai, morri com o dente de cafééé!

Karol disse...

Dominó com mullet? (L)

Blog Widget by LinkWithin