quarta-feira, setembro 13, 2006

Fernet, um clássico argentino

A primeira vez que tomei Fernet acho que foi no Klub Killer quando a patota de Guardia Vieja saiu com umas argentinas. Lembro que a Ornella me ofereceu e achei um tanto quanto estranho.

Meses ou semanas depois, não sei, meu colega de trabalho Rick fez tanta propaganda que tomei. E digo, não foi pouco. Era despedida também do Adam, o americano que trabalhava do meu lado e foi aquele pé-na-jaca. Se toma exclusivamente com Coca-cola. Não pode ser pepsi, tão pouco coca-light. Obrigatório tomar com Coca, a graduação alcóolica do negócio é violenta. Não tente sozinho sem nada.

Fernet é assim, ame-o ou deixe-o. É como o Boca ou o Corinthians. Ou você é um entusiasta ou você acha uma bosta. Tô pensando em levar pra Curitiba já que ganhei uma garrafa dessa bebida recentemente, mas tenho certeza que a maioria não vai gostar. Certa vez, no Locos por Futbol, fiz uns brasileiros comprarem a tal Fernet e eles odiaram.

Gostar de Fernet é apenas um dos indícios do processo de argentinização que afeta a minha pessoa. Em breve comento mais sobre isso. Assistam aí o comercial do Fernet Cinzano, que não é o melhor. O mais saboroso é Fernet Branca!

4 comments:

marie. disse...

queeeeeeeeeeeero!

Ramiro disse...

Stereo....setereooooooooooooo

pumpkincita disse...

"Gostar de Fernet é apenas um dos indícios do processo de argentinização que afeta a minha pessoa"

JAJAJAJA
absolutamente..

por eso caigo convencida de que soy.. paraguaya??
en realidad, entro en "Odio el fernet".. pero bueno.
no importa.

ya fuiste a córdoba? son faaans del fernet ahí.
y esa propaganda es lo máaaas!

Túlio disse...

jajaja... tengo que ir a cordoba entonces! che, paraguaya noooo!

Blog Widget by LinkWithin